Quem somos

Bruno Bortolucci Baghim é defensor público e palestrino convicto. Tem fé nas pessoas, por mais que elas pareçam perdidas para ele. Injustamente taxado de comunista pelos seus amigos mais conservadores, tem compulsão por discutir temas polêmicos por horas seguidas. Espera que o deserto em que prega seja algum dia povoado.

Eduardo de Lima Galduróz é alvinegro do Parque São Jorge, magistrado membro da AJD e truqueiro. Tem a estranha propensão a discutir futebol em salas de audiência e Criminologia em mesa de bar. Sonha com o dia em que o pessoal dos Direitos Humanos será chamado simplesmente… pessoal.

7 ideias sobre “Quem somos

  1. nick

    bem, eu gostaria que vocês me explicassem o por que defendem bandidos e criminosos mesmo sabendo que eles matariam vcs por uma pedra de craque, vcs insistem em dificultar a vida de todos, fingindo que são bons, mas na verdade só estão condenando a todos, gostaria que me mandassem um email dizendo o pq vcs defendem essa ideia, para que eu possa talvez, ter o mínimo de respeito pelo pessoal dos direitos humanos

    Responder
    1. Administrador Autor do post

      Caro Nick,

      Agradecemos por sua postagem.

      Apenas esclarecemos que não defendemos bandidos ou criminosos. Defendemos pessoas, e acima de tudo, Direitos. Mais do que ninguém, defendemos as leis e a Constituição. É simples: quem desrespeita as normas não pode exigir que o outro aja conforme essas normas. Gostemos ou não, para tudo, especialmente para a aplicação do Direito Penal, existem normas. Leis, princípios, e garantias. Nosso trabalho é muito óbvio: defesa da legalidade, em sentido amplo. Praticou crime? Que responda por isso, de forma justa, em conformidade com a lei, com chances de defesa. E se provada a culpa, que receba a pena prevista em lei. Irá cumprir pena? Ok. mas conforme a lei, com todos os direitos nela previstos. É muito simples e beneficia a todos, até porque um dia podemos ser nós ou um ente querido respondendo a um processo criminal, ainda que injustamente.

      Abraços,

      Pessoal dos Direitos Humanos

      Responder
    2. Katia P. Alves

      Nick,
      Heloow!!! É claro que eles não defendem bandidos. Eduardo Cunha está aí como prova viva disso. E só pra falar “a nível de” Brasil recente, gatíssimo!
      Bejin no ombro.

      Faça-me um favor, rapaz!

      Responder
  2. Valterci "Hulkinho"

    Saudações!
    Em primeiro lugar, parabenizo e me solidarizo nesta causa.
    Sou músico da Sinfônica de Americana – SP e professor da Escola Municipal de Musica “Heitor Villa-Lobos.
    Trabalhei em muitos projetos sociais pela região de Campinas e vi e ouvi muitos casos tristes de injustiça naquelas comunidades pelas quais passei. Alí, vi pessoas de bem sem perspectivas nenhuma enveredarem pelo “alívio imediato” entrando na vida do crime. Já vi gente do crime pedindo socorro pra sair … mas o que sempre vejo e reflito é que existe um histórico de vida sofrida por traz de cada olhar.
    Minha reflexão é a seguinte! O que seria do mundo sem os direitos humanos? Sem a Convenção de Genebra?
    Forte abraço!

    Responder
  3. Marcos Williamson

    Pessoal dos direitos humanos.
    Como vocês estudaram na Constituição
    Os senhores devem lembrar muito bem que o presidente pode sofrer Impeachment por crime comum sim, se cometido em seu mandato será julgado imediatamente pela Suprema Corte, caso contrário será submetido ao julgamento de primeira instância após seu mandato.
    As vezes vocês acham que o povo é ignorante.

    Responder
  4. Hugo

    Bom dia, não concordo com a política deste país e nem com as leis que existem e claro pelo meu conceito exitem leis, mas dificilmente existe leis justas ou que expressam a justiça neste país, justiça aqui é uma utopia, gostem ou não a cada dia a criminalidade aumenta e mais uma vez a população de bem sofre e é a que mais sofre, principalmente pelo fato de que direitos humanos deveria ser para humanos direitos, e infelizmente parece (parece) que é ao contrário, e nós evoluímos tanto, estudamos tanto, nosso conhecimento científico cresceu tanto e a humanidade se degrada a cada dia, pois é meus amigos não estamos sabendo lidar com as situações, que nos cercam, pois um mundo melhor é quando no minimo o trabalhador, o homem a mulher, a criança ou seja lá quem for não tiver seu direito de ir e vir infligido por um meliante que quer rouba-lo e mata-lo e o mundo começará a ser melhor quando mesmo houver esse tipo de crime, este mesmo meliante sofrer as penas de uma lei justa e não de uma lei de faz de contas, com juizes que julgam fazendo de conta em um país de faz de contas e com advogados de faz de contas que em sua maioria (não tem compromisso com a verdade nem com a dita “lei” mas sim, compromisso com o cliente com o dinheiro que esse cliente vai pagar a ele pela defesa, e se pensarmos bem talvez o dinheiro que paga esse advogado(a) talvez seja dinheiro ilícito) pois é pessoal dos direitos humanos dá uma revisada no ambiente em que vocês vivem no país em que vivem e sejam sinceros, será que o trabalho de vocês estão ajudando a nação e este país a crescer ou será que é ao contrário, pois na boca da população quando há um homicídio, vai haver mais um enterro, o país perdeu mais um trabalhador, e o (homicida) terá seus direitos garantidos pela constituição e o falecido terá o direito de ser enterrado.

    Texto de alguém que não concorda com muita coisa, texto de um brasileiro, de um patriota e tente mudar um pouco as fotos nas laterais do site, postem a foto do estuprador que estupra todo dia, posta a foto do traficante que arrasa famílias, postem a foto do assassino e também das suas vitimas sejam honestos pois a maior violência está do lado de lá.

    Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>